Noticias

Parceiros na conservação: SeaWorld e Instituto de Pesquisa Hubbs-SeWorld

Escrito por SeaWorld b2c

23 JUN 2022 - 12H31 (Atualizada em 23 JUN 2022 - 14H28)

O Instituto de Pesquisa Hubbs-SeaWorld (HSWRI, sigla em inglês) é a parceria de conservação mais antiga do SeaWorld. Apesar do nome em comum, o HSWRI é uma organização separada e independente do SeaWorld. A ligação pode ser traçada desde o início do Instituto, quando foi originalmente fundado em 1963 como a Fundação de Pesquisa Mission Bay, um ano antes da abertura do primeiro parque SeaWorld.

Em 1977, o Instituto foi renomeado em homenagem ao Dr. Carl Leavitt Hubbs, professor de biologia no Instituto de Oceanografia, que desempenhou um papel muito importante no suporte à educação e à pesquisa sobre animais marinhos.

Atualmente, o HSWRI e o SeaWorld desfrutam de uma relação de trabalho próxima, colaborando com a conservação e resgate de espécies, e servindo como primeiros socorristas de animais marinhos em situações de perigo nos Estados Unidos.

“Nós somos cientistas,” disse Don Kent, CEO do HSWRI. “Mas graças à nossa relação com o SeaWorld, que conta com times e equipamentos necessários para responder a um chamado de emergência, nós podemos nos juntar a eles salvando animais marinhos”.

O HSWRI conta com times de pesquisa em ambas as costas leste e oeste dos Estados Unidos. O time da costa leste atualmente desenvolve uma pesquisa sobre os golfinhos-nariz-de-garrafa da Indian River Lagoon (IRL) e recentemente estendeu seu trabalho a lontras de rio. Já o time da costa oeste foca em uma vasta variedade de espécies marinhas e tem um longo histórico de trabalho com animais nos parques SeaWorld para responder a importantes perguntas de pesquisas. O tema comum é abordar problemas resultantes do contato entre atividades humanas e a vida marinha.

“A conservação faz parte do DNA do SeaWorld desde o início,” disse Don. “O SeaWorld representa mais que apenas parques e entretenimento – eles participam ativamente da educação, conscientização, pesquisa e preservação do meio ambiente”.

“Nós somos muito privilegiados por trabalhar com eles há tanto tempo,” disse Wendy Noke Durden, cientista da área de pesquisas no HSWRI. “Nosso Instituto não estaria onde está hoje sem nosso forte relacionamento com o SeaWorld.”

Um componente valioso da relação mutualmente benéfica entre o SeaWorld e HSWRI é o acesso a animais marinhos que o SeaWorld providencia para os pesquisadores estudarem.

“O trabalho sendo feito estudando animais no SeaWorld em condições controladas é uma grande parte de nossa pesquisa,” disse Ann Bowles, cientista de pesquisa sênior no HSWRI. “É um desafio registrar e julgar efeitos cumulativos quando você está observando animais em seus hábitats naturais e os acompanhando por apenas alguns dias; No SeaWorld, nós podemos olhar intensivamente para cada comportamento individual os animais com o passar do tempo.”

“É muito importante sabermos que o SeaWorld concentra muitos dados importantíssimos sobre mamíferos marinhos,” disse Megan Stolen, diretora do Laboratório de Melbourn Beach no HSWRI. “Quando um animal está doente ou ferido na natureza, não importa o quão grande ou pequeno, o SeaWorld é frequentemente chamado para participar ou oferecer suporte para salvá-lo”.

O Fundo de Conservação SeaWorld é outro meio pelo qual a companhia apoia a pesquisa no HSWRI e em nome da vida marinha no geral. Por meio do Fundo de Conservação, o SeaWorld apoia diversas causas da conservação de espécies no mundo inteiro.

“É difícil encontrar uma companhia com um histórico de apoio a pesquisa sobre vida marinha tão grande quanto do SeaWorld. É por isso que nós temos tanto orgulho de nossa parceria com eles!” finalizou Ann.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por SeaWorld b2c, em Noticias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.